7 de novembro de 2013   Publicado por: Garante Araribóia

Versáteis e modernas, pastilhas podem ter até purpurina

As pastilhas conquistaram os decoradores com suas infinitas possibilidades. Veja as dicas de um arquiteto e de um paisagista para usá-las em diversos ambientes da casa

As pastilhas decorativas ganharam atenção dos arquitetos e se tornaram as queridinhas quando o assunto é trazer personalidade para a casa. Versáteis e modernas, elas garantem sofisticação e um ambiente totalmente personalizado, já que é possível criar imagens e desenhos feitos pelo próprio comprador.  Elas criam verdadeiras obras de arte, pois podem ser aplicadas nas superfícies de acordo com o desenho que a pessoa quer”, diz Antonio Ferreira Junior, arquiteto.

Com variedades de cores e estilos, podem ser aplicadas tanto em ambientes externos quanto internos. “Se for bem colocada, cria ambientes mais confortáveis e elegantes. Indico a aplicação em cozinhas, banheiros, fachadas de prédios, sala de estar, entre outros”, diz Junior.

As pastilhas podem ser utilizadas também em cubas, áreas gourmet e lavabos. “Há clientes que preferem colocá-las em meia parede ou em detalhes pequenos. Ficam ótimas assim também”, afirma Junior.

Nos ambientes que possuem vegetação, elas são totalmente recomendadas. “Nesses locais, ajudam a realçar as formas e valorizar a vegetação no paisagismo”, diz Marcelo Novaes, arquiteto e paisagista.

De que materiais são feitas?

As de porcelana, vidro, mármore e metal, como o aço inox e o alumínio, são as mais utilizadas. Porém, dependendo do estilo do consumidor, é possível aplicar cristais dentro da pastilha, purpurinas, osso de boi e até casca de coco. “Hoje encontramos no mercado diversos tipos de pastilhas, nos mais variados materiais. A durabilidade e o preço variam de acordo com o fornecedor”, diz Novaes.

Como aplicá-las?

Procure sempre orientação de profissionais para fazer a aplicação, caso contrário, o efeito poderá decepcionar.“Existe mão de obra especializada para colocar a pastilha. Eles sabem exatamente como não deixar espaços sobrando e o resultado fica uniforme, dando a impressão de que as pastilhas foram aplicadas uma a uma”, afirma Antonio Ferreira Junior.

Variedades de preços

Dependendo do fornecedor, o preço muda consideravelmente. “Existem modelos que são de vidro com pó de ouro. Outros, são mais simples e têm até efeito fosco. Então varia muito do estilo que a pessoa quer e do fornecedor. As de cerâmica e as esmaltadas costumam ser as mais em conta”, diz Junior.

Como conservá-las?

Assim como os pisos e outras superfícies da casa, é necessário ficar atento à higienização das peças. Siga as orientações do manual do fabricante para evitar manchas, riscos e outros problemas. “Indicamos sempre verificar o manual do fornecedor para melhor manutenção e preservação dos produtos”, afirma Novaes.

Fonte: Revista Caras

sem comentários publicado em: Notícias

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>