3 de novembro de 2015   Publicado por: Garante Araribóia

Restaure o piso de madeira original e deixe a casa mais charmosa

Opção é mais econômica que a substituição do revestimento

Os projetos de arquitetura e design têm resgatado o charme dos pisos originais de madeira. Os profissionais apostam nesta ideia como parte da valorização da história das casas.

Piso de madeira original pode ser revitalizado em vez de substituído (Foto: Shutterstock)

Piso de madeira original pode ser revitalizado em vez de substituído (Foto: Shutterstock)

Trabalhar com a madeira também tem exigido um maior investimento, principalmente pela escassez do material. Assim, a revitalização do piso já existente torna-se uma técnica mais econômica, além de acentuar a beleza original.

Os arquitetos Ivana Seabra e Bruno Vianna mantiveram o piso de madeira Peroba do Campo original da casa em um recente projeto.

“O piso em madeira é muito nobre, elegante e sofisticado, além de ser um material aconchegante e com ótimas propriedades térmicas e acústicas”, explica Seabra.

​Neste projeto de Ivana Seabra e Bruno Vianna o piso de peroba do campo foi revitalizado mantendo o conforto térmico e acústico (Foto: Jomar Bragança)

Os profissionais ressaltam a necessidade de se preservar a madeira e, para isto, contratar uma empresa especializada, com profissionais qualificados, para revitalizar o piso.

O arquiteto Eduardo Henrique Brandão e a designer de interiores Rosângela Brandão, do escritório Situar Projetos, também optaram por preservar a Peroba do Campo em um de seus projetos.

“Para manter o piso original da casa foi feita uma restauração do piso existente por meio de um tratamento que consiste de várias etapas. Limpeza, raspagem e lixamento do piso; depois foi feita a calafetação das juntas do piso; aplicação de verniz fosco à base de água (verniz ecológico) e, por fim, o polimento”.

Os arquitetos Bruno Vianna e Ivana Seabra revitalizaram piso de madeira Ipê neste projeto (Foto: Osvaldo Castro)

O acabamento do piso em madeira pode ser fosco, acetinado ou brilhante, porém  os profissionais costumam usar o fosco para evidenciar a cor do piso original e deixar a madeira o mais natural possível.

Madeiras como a Peroba do Campo, Peroba Rosa e o Ipê são raras, por isso  vale a pena restaurá-las.

​O processo de revitalização do piso de madeira é um pouco complexo, mas a beleza única desse material compensa muito o esforço.

Fonte: ZAP Imóveis

sem comentários publicado em: Notícias
Não há palavras-chave associadas com este artigo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>