21 de agosto de 2014   Publicado por: Garante Araribóia

Crochê está em alta e deixa decoração mais aconchegante

Peças são bem-vindas em produções clássicas, praianas ou modernas

As produções artesanais feitas em crochê estão na moda e vieram para ficar. Desde os tempos da vovó, esse trabalho possui a tradição de criar peças charmosas e acolhedoras, que ficam bem em todos os cômodos da residência.

Pufe de crochê na decoração

O pufe de crochê pode ser usado em decorações rústicas ou sofisticadas (Foto: Reprodução – Pinterest)

“Precisamos nos sentir protegidos dentro de casa, num lugar seguro e aconchegante. E o crochê pode nos trazer todas essas sensações” afirma a arquiteta Ursula Brinker, sócia da loja virtual Pop+Art.

Para a especialista, essa arte é bem-vinda  em qualquer tipo de decoração, ou seja, nas mais descontraídas, com peças coloridas, nas rústicas ou praianas, com peças claras, e também em ambientações sofisticadas, usando peças com pontos bem elaborados e acabamentos delicados.

Poltrona e mesa de centro feitas em crochê

Poltrona e mesa de centro feitas em crochê por Regina Misk, da Inventive Bureau (Fotos: ZAP Imóveis/ Caroline Pereira)

“Esses objetos, independente do estilo da decoração, podem ser almofadas na cama, no sofá ou em uma poltrona; uma manta ou xales para esquentar ou apenas decorar; tapetes de banheiro, cozinha ou de porta; quadro decorativo; jogo americano; pufe, cadeira ou poltrona; luminárias ou revestimentos de potes e garrafas”, cita a arquiteta.

Detalhes em crochê podem dar um toque mais que especial à mesa (Foto: Reprodução – Pinterest)

Para ela, a beleza do crochê pode ser explorada tanto numa peça única, que seja o ‘centro das atenções’ do ambiente, como também em peças pequenas. Há ainda a possibilidade de misturar, no mesmo ambiente, peças grandes e pequenas, desde que haja equilíbrio: “Um exemplo seria ter na sala de estar um lindo pufe com uma cor marcante e almofadas em tons mais neutros misturadas, feitas de tecido e de crochê”, aconselha.

Fonte: ZAP Imóveis

sem comentários publicado em: Notícias
Não há palavras-chave associadas com este artigo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>