31 de outubro de 2014   Publicado por: Garante Araribóia

Como usar muro de vidro para decorar

Ótimo integrador de espaços, o muro de vidro ainda consegue passar um aspecto mais futurista e hi-tech se usado com metais.

Os muros de vidro de casas ou prédios têm sido a mais nova tendência de reformas e construções, em substituição aos tradicionais muros de concreto. O muro de vidro tem o poder de valorizar a fachada em questão, trazendo mais requinte e sofisticação, além de melhorar a iluminação e a segurança para quem mora nesses locais, pois ele permite ver o que acontece do outro lado, inibindo possíveis invasões de propriedade e atos de vandalismo, como pichações. Ele também pode ser uma opção para quem investiu em um belo projeto de paisagismo para a fachada e deseja deixá-lo totalmente à mostra, o que realmente é merecido.

Gostaria de orientações sobre como usar o muro de vidro para decorar? Acompanhe com a gente.

Integração entre paisagismo externo e interno

Se a casa possui um projeto de paisagismo para o ambiente interno e outro para o ambiente externo, o muro de vidro é a melhor opção para mantê-los integrados e em diálogo. Esse muro irá valorizar ambos os lados, pois complementa a experiência de quem apenas passa pela rua e de quem está do lado de dentro da casa. É como se o verde se multiplicasse e tomasse conta de todo o espaço.

Vidro temperado ou laminado?

Essa pergunta está relacionada à espessura do vidro, pois o temperado possui de 8 a 10 milímetros e o laminado possui de 4 a 5 milímetros de espessura. Há quem pense que pela maior espessura o temperado é o mais resistente, mas não necessariamente.

A diferença entre eles está no modo de fabricação. O vidro laminado é como se fosse um “sanduíche” de vidro. Entre duas lâminas de vidro há uma película de plástico que impede que o vidro se estilhace ou espalhe pelo ambiente caso ele se quebre. Esse vidro é utilizado nos automóveis.

O vidro temperado possui uma alta resistência, devido ao seu processo de aquecimento e resfriamento. Quando quebrado, ele estoura em inúmeros pedaços pequenos e não cortantes, o que é uma grande vantagem relacionada à segurança. Já esse tipo de vidro é mais utilizado em portas. Indicamos os dois tipos de vidro para o seu muro, apenas pesquise pelo melhor custo-benefício.

Cores do vidro

Existem algumas opções de cores de vidros disponíveis no mercado e as mais comuns são o fumê, o esverdeado e o incolor. A escolha dependerá da cor da fachada e do tipo de jardim projetado. Entretanto, essa realmente é uma opção estética a ser decidida no “olhômetro”, pois os 3 tipos podem caber perfeitamente em vários casos. O caso da imagem acima é um tom esverdeado.

Muros de vidro com colunas de alvenaria, de madeira ou de metal

Os muros de vidro não são exclusivamente feitos de vidros, mas são geralmente apoiados em estruturas de alvenaria, de madeira ou de metal. Se você deseja um ambiente mais clássico e clean, as colunas de alvenaria pintadas de cores claras são as ideais.

As colunas de madeira fazem a mistura entre o rústico e o moderno dos próprios vidros, trazendo uma combinação inusitada e equilibrada. As de metal reforçam a modernidade, deixando os imóveis com um aspecto mais futurista e hi-tech. Escolha aquela que melhor reflete o estilo que você quer conferir para a sua casa, pois todas são igualmente belas.

Fotos: Decoração

Fonte: ImovelWeb

sem comentários publicado em: Notícias
Não há palavras-chave associadas com este artigo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>