11 de outubro de 2013   Publicado por: Garante Araribóia

Como integrar a varanda com a sala: janela de vidro completo

Uma das soluções que mais usamos hoje em dia para ampliar os apartamentos com sacada, é o fechamento de toda a varanda, em vidro e nivelando o piso.

Ao fechar a sacada com o vidro, você agrega estilo, modernidade e conforto no apartamento. Na grande maioria dos casos, essa extensão do living, é usada para um ambiente de descanso, home theater, ou espaço gourmet, que aproveita as sacadas com churrasqueira.

Afinal, quem escolhe um apartamento com sacada, já imagina tudo que vai acontecer lá, e é por isso que as pessoas tendem a aproveitar cada centímetro do apartamento. O bom desse sistema de varandas fechadas em vidro, é que mesmo vedada, ainda pode ser usada como sacada, em dias quentes, pode-se usar tudo aberto, voltando a ser uma sacada. Fora que é lindo vidro completo, os apartamentos mais altos, tem uma vista privilegiada.

Os vidros podem ser de vários estilos, mas particularmente o que mais me agrada, é o sistema europeu, que permite uma abertura total do vão, possibilitando ventilação natural e adaptável em todos os tipos de sacadas, ela tem um giro de 90 graus, e conseguem ficar recolhidas em um dos cantos, ocupando um espaço relativamente pequeno, comparado com a área que ganhamos quando escolhemos esse tipo de vedação. Todos tem uma trava, que é super recomendada e sempre é bem vedado para que você não fique escutando o barulho da rua. Para os que tem criança em casa, pode colocar atrás do vidro uma grade ou algo do tipo, pois apesar das travas, o risco sempre existe e por ser uma janela que inicia junto ao chão, a curiosidade das crianças é sempre maior.

É recomendado colocar uma persiana junto ao vidro, para conseguir fazer com que o espaço seja bem versátil e não faça sol de mais quando você está vendo televisão na sala ou almoçando, algo bem sutil para que não tire o charme do vidro, que eu acho maravilhoso.

Os andares mais altos, tem o grande problema da velocidade do vento, por isso para dar mais segurança aos moradores, é recomendado que se use vidros com espessura de 8 ou 10 mm e de preferência laminado (aquele que tem uma película interna, que impede que o vidro estilhace quando quebra).

Não se esqueçam de consultar as leis do edifício e de prefeitura, em alguns casos, é proibido fazê-lo.

Fonte: Loucos por Imóveis

sem comentários publicado em: Notícias

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>