1 de julho de 2014   Publicado por: Garante Araribóia

Como fazer um jardim colorido em casa

Se você acha que a sua residência está sem vida, aposte nas cores das folhas e flores para modificar o seu lar.

Um jardim bem colorido pode fazer toda a diferença no ambiente. E você nem precisa ter um quintal enorme para montar o seu. Em qualquer cantinho, até mesmo na sacada do apartamento, dá para combinar várias espécies de folhas e flores.

Antes de optar somente pelo que acha mais bonito, é importante avaliar se as espécies combinam entre si e quais os cuidados elas vão exigir. Algumas plantas precisam de mais sol e água que outras para sobreviver, por exemplo.

Portanto, antes de sair plantando todas as variedades que vir pela frente somente porque achou bonito, dê uma olhada nas dicas a seguir:

A escolha das flores

flores

O estilo do seu jardim será determinado de acordo com a escolha das flores. Se você pensa em algo bem colorido e rasteiro, tem nas flores antúrio, azaleia, violeta e maria-sem-vergonha uma combinação de encher os olhos. No entanto, ao optar por essas variedades é importante que elas sejam plantadas em locais onde há bastante sombra, já que são menos resistentes ao sol quente.

Se para você a jardinagem também funciona como terapia, pode optar por uma combinação que exigirá um pouco mais de cuidado. Margarida de shasta, dedaleira e flor de mel são exemplos. Além de um solo bastante fértil e úmido, essas três espécies exigem boa iluminação e observação constante. As margaridas brancas vão ficar super-harmônicas com a dedaleira lilás e com a flor de mel nas cores rosa ou alaranjada. Nesse jardim colorido você ainda terá o verde do caule e da folhagem das margaridas.

Para ficar bonito o ano todo

Algumas flores permanecem bonitas o ano todo. No entanto, outras ficam mais vistosas em determinadas estações. Se você quer um jardim florido durante praticamente 365 dias pode optar por espécies como camarão-vermelho, primavera, caliandra, boa-noite; brinco-de-princesa, grevílea e begônia.

Mas, se nenhuma delas te agrada, então é melhor ficar atento às estações do ano. No verão, por exemplo, as mais indicadas são o lírio-do-brejo, o girassol, a ixora e a estrela-do-egito. São variedades que precisam de luz e suportam bem o calor.

Já no inverno você pode ficar com azaleia, camélia e o amor-perfeito, que não exigem irrigação todos os dias e se adaptam bem as temperaturas mais baixas. O jardim ficará bastante colorido. No outono, a pedida são as hortênsias, cravos e a flor da fortuna que conta com uma grande variação de cores. No geral, elas apresentam bastante resistência também no inverno.

Por fim, a primavera é a estação das flores e há várias opções para esta época. Jasmim, alpínia, crino rosa, boca-de-leão e agapanto são algumas das variedades indicadas. Quando a temperatura começar a ficar mais alta, essas espécies, apesar de “gostarem” de sol, precisam ser regadas com mais frequência.

Jardim colorido também no apartamento

Se você mora em apartamento, mas quer ter um lindo jardim, pode separar um cantinho da sacada para montar o seu. Uma dica sustentável é usar pneus usados, pintados de várias cores. Coloque um em cima do outro, como se fosse uma escada, mas de forma que cada pneu acomode uma  variedade diferente de flores.

Para que a água e a terra não escorram você vai precisar ter um suporte por baixo. Outra opção é criar um jardim vertical, na parede. Com o uso de vários cachepôs ou até garrafas pet cortadas ao meio, você consegue montar o seu. A rosa de escalda, que cai na vertical, combinada a outras espécies como a clethra alnifolia, flox e abelha azul vão deixar o espaço bem colorido.

Fonte: ImovelWeb

sem comentários publicado em: Notícias
Não há palavras-chave associadas com este artigo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>