23 de julho de 2013   Publicado por: Garante Araribóia

Casa aquecida para um inverno confortável

O inverno chegou e as baixas temperaturas características da estação demandam soluções específicas para manter o corpo e os ambientes protegidos do frio. Para desfrutar dessa época do ano de forma agradável, a dica é fazer dos sistemas de aquecimento residencial um aliado para encarar o tempo gelado com conforto e aconchego.

Antes de investir em algum sistema, entretanto, o arquiteto Gustavo Pinto, da GP Arquitetura, explica que é necessário identificar as necessidades e os desejos de quem irá utilizar os espaços, para adequá-los às diferentes opções disponíveis no mercado. “Há de se avaliar a eficiência do equipamento em gerar calor e também na economia do consumo de energia, buscando um melhor custo benefício”, orienta.

Para utilização em ambientes pequenos, uma opção são os aquecedores portáteis, que respondem à necessidade de geração de calor com baixo investimento inicial, apesar de exigirem maior consumo de energia elétrica. “Os aparelhos de ar condicionado com sistema ciclo reverso, que trabalham com temperaturas quentes e frias, e os aquecedores a óleo também são boas opções para aquecer espaços pequenos, proporcionando conforto aos ambientes”, afirma o arquiteto.

Charmosas e cheias de estilo, as lareiras também são uma boa dica para quem deseja climatizar os ambientes e ainda compor uma decoração diferenciada. Disponíveis em diferentes modelos, elas podem ser adaptadas à estrutura do imóvel durante a construção ou reforma, ou inseridas tardiamente por meio dos kits pré-fabricados disponíveis no mercado. “Além dos modelos tradicionais, a lenha ou carvão, há também os que utilizam gás biocombustível, que queima aquecendo o ambiente por um determinado período. Como esse sistema queima oxigênio, é necessário atentar para a ventilação do ambiente para que não ocorram acidentes” alerta Gustavo.

Entre os sistemas que podem ser instalados em toda a residência e que necessitam de mais infraestrutura, destacam-se os pisos aquecidos e a calefação. No primeiro, o sistema de aquecimento é instalado sob o piso do imóvel, aquecendo o ar debaixo para cima de forma a contemplar todo o ambiente. “Este sistema pode ser instalado em todos os cômodos da casa e tem o diferencial de não ocupar espaço, como ocorre com os demais”, aponta o arquiteto.

Já a calefação exige um investimento maior devido à necessidade de instalação da caldeira que irá aquecer a água que passa pelas tubulações instaladas nas paredes para chegar aos radiadores. “Os diferentes sistemas de aquecimento respondem muito bem ao objetivo de tornar os ambientes mais agradáveis durante a estação mais fria do ano. Basta escolher a opção que mais está de acordo com as necessidades e o investimento que se pretende fazer”, finaliza Gustavo.

Fonte: Paranashop

sem comentários publicado em: Notícias
Não há palavras-chave associadas com este artigo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>